Conselhos faciais

Tudo o que precisas de saber sobre a Rosa-Mosqueta

03 Mar, 22
A Rosa-Mosqueta é uma planta medicinal que se popularizou nos últimos tempos devido aos seus benefícios dermocosméticos. Este tipo de vegetal é um arbusto silvestre pertencente à família Rosaceae e é cientificamente conhecido como Rosa Eglanteria. Originário do Chile, o seu cultivo difundiu-se pelo mundo graças às suas possibilidades, de grande capacidade tanto a nível nutricional, medicinal quanto estético. Mas, sabes tudo o que a Rosa-Mosqueta pode fazer por ti? Se queres saber as bonanças desta planta, não podes perder este post.  

Quando e porque é que esta planta começa a ser utilizada

A utilização da Rosa-Mosqueta a nível terapêutico surge na Patagónia, onde era utilizada para hidratar a pele, curar feridas e tratar enfermidades. Não obstante, foi apenas no final do século XX que a Faculdade de Química e Farmacologia da Universidade de Concepción, no Chile, constata a sua utilidade a partir de um estudo rigoroso. Os benefícios desta planta devem-se, em parte, ao seu alto teor de ácidos gordos, que podem ser extraídos do óleo que se encontra no cinorródio (pseudofruto dos arbustos do género rosa), por meio de um processo de pressão a frio. Este óleo é composto de ácidos gordos insaturados – como o ácido linoleicoo -, ácidos gordos saturados – como a tretinoína natural – e ácidos gordos essenciais ómega 3, 6 e 9. Estes últimos são responsáveis pela regeneração e crescimento dos tecidos celulares, e, além disto, também possuem alta capacidade adstringente. Por este motivo, o Óleo de Rosa-Mosqueta é um cicatrizante perfeito e é utilizado tanto em medicina como em cosmética para tratar feridas, suturas, queimaduras, marcas na epiderme ou outros tipos de lesões cutâneas que requerem um produto com propriedades cicatrizantes e regeneradoras. Não obstante, as bonanças da Rosa-Mosqueta não ficam por aqui, já que a sua utilização também é popular no cenário gastronómico, principalmente em países como o Reino Unido, onde a fruta inteira é utilizada para fazer doces, infusões, massas, molhos, etc. E é graças à sua composição, rica em Vitamina C, Vitamina A e Vitamina E, que são atribuídos à Rosa-Mosqueta benefícios, tais como: eliminação de toxinas, redução de rugas, melhoria da digestão ou ajuda nas defesas.  

Como é cultivada a Rosa-Mosqueta

Como mencionámos anteriormente, a Rosa-Mosqueta é um tipo de arbusto silvestre. Possui uma grande capacidade de sobrevivência e propagação, o que o torna perfeito para hibridização com outras espécies. A Rosa-Mosqueta pode ser cultivada a partir de sementes ou de estacas. Além disto, é esta alta capacidade de sobrevivência que torna esta planta perfeita para ser cultivada em praticamente qualquer superfície e em qualquer época do ano. Não obstante, é aconselhável plantá-la no início da primavera e, no caso de querer transferi-la para outra superfície, fazê-lo um mês e meio após a sua plantação. Para plantá-la, apenas é necessário ter uma superfície abundante de terreno resistente a inundações, que devemos manter húmido. Este deverá ter um pH neutro e é aconselhável que seja enriquecido com substratos, como o húmus de minhoca. Se decidirmos plantá-la em estacas, estas deverão ter cerca de 25 centímetros, das quais 15 deverão permanecer no subsolo, ficando apenas 10 centímetros da planta da parte de fora. Por outro lado, se plantarmos as sementes diretamente, devemos ter em consideração que a terra deverá receber doze horas de luz por dia e cerca de oito de escuridão. Uma vez que estas germinem, a luz deverá ser indireta e cerca de oito horas por dia.  

Como é extraído o óleo da Rosa-Mosqueta

O Óleo da Rosa-Mosqueta contém ácidos gordos essenciais, como o Ómega 3, 6 e 9. Tem uma cor amarelada-avermelhada e uma textura ligeira que facilita a penetração na pele sem causar oclusão. Mas, como é obtido o óleo? Nós contamos-te: Após a colheita da Rosa-Mosqueta, durante os meses de fevereiro, março e abril, a planta dá frutos que devem ser colhidos manualmente para não danificar o vegetal. Este processo de colheita não deve ser feito até que a fruta esteja totalmente madura, para evitar danificá-la de alguma forma. Depois de realizado este primeiro passo, começará a fase de pré-secagem com energia solar. Após a pré-secagem, ocorrerá a secagem – para a qual usaremos bandejas onde a fruta será desidratada – e, posteriormente, câmaras de secagem com temperaturas moderadas para não prejudicar o cinórrodo. Em seguida, o fruto desidratado da Rosa-Mosqueta será moído, momento em que a semente será separada da polpa restante. Será da semente, por meio de uma prensagem mecânica a frio, que obteremos o óleo da Rosa-Mosqueta, assumindo este 8% do peso total da semente.  

Benefícios dermocosméticos da Rosa-Mosqueta

À medida que estudamos os benefícios da Rosa-Mosqueta, parece que a lista fica mais comprida. Não obstante, alguns dos usos dermocosméticos associados a esta planta são os seguintes:  

Combate os sinais de envelhecimento

O óleo da Rosa-Mosqueta é outro dos ingredientes naturais que estimula a produção de colágeno e elastina. E o seu óleo é capaz de aceder às camadas mais profundas da pele, atuando sobre as células que produzem as moléculas responsáveis ​​por garantir a firmeza e elasticidade da pele. Além disto, devido à sua composição rica em ácidos gordos essenciais, antioxidantes e vitaminas A, C e E, a Rosa-Mosqueta atua contra os radicais livres que são a causa do envelhecimento cutâneo e, também reduz as manchas que aparecem devido à exposição solar.  

Reduz as cicatrizes na pele

Como mencionámos no início deste post, a Rosa-Mosqueta é uma planta com alta capacidade regenerativa, o que a torna perfeita para o tratamento de queimaduras, cicatrizes ou manchas de acne na pele. Para além disto, o seu composto permite, não só melhorar a pigmentação, restaurando a aparência anterior e saudável, mas também a textura. Isto é possível devido aos ácidos que a compõem, que influenciam na flexibilidade e reparação da pele. É imprescindível comentar que, para que o óleo desta planta possa beneficiar-nos, deve ser aplicado na ferida cicatrizada, ou seja, na cicatriz ou mancha resultante da ferida. Será a partir daí que os ácidos gordos essenciais penetrarão na pele, conseguindo igualar o tom e regenerar a superfície. Também devemos aplicar o produto de forma regular e consistente, porque o resultado não será imediato, mas podemos vê-lo a longo prazo.  

Trata o acne e a rosácea

Alguns óleos têm qualidades anti-inflamatórias, por isso ajudam a tratar o acne. O óleo da Rosa-Mosqueta é um deles, sendo bom para o acne do tipo: pápulas, pústulas, nódulos ou quistos superficiais. Para além disto, também pode ajudar a tratar o acné não inflamatório ou os poros obstruídos, graças à Vitamina A e ao ácido linolénico, que em conjunto ajudam a regular a produção de gordura, prevenindo os pontos negros e espinhas. Em relação à sua utilização no tratamento da rosácea, muitos dermatologistas recomendam o óleo da Rosa-Mosqueta devido aos seus nutrientes, capazes de ajudar a melhorar a barreira protetora da pele. Neste caso, este produto destaca-se pela sua composição rica em ácido ascórbico, compostos fenólicos, ácidos gordos essenciais e pela sua alta capacidade hidratante, que evitará descamação e irritação da pele, mantendo-a hidratada e equilibrada.  

Hidrata e melhora a textura da pele

O óleo da Rosa-Mosqueta possui propriedades emolientes que ajudam a melhorar a hidratação e a textura da pele. Os emolientes são lípidos e óleos que hidratam, suavizam e ajudam na flexibilidade. Tudo isto garante que a pele melhore a sua barreira protetora, garantindo que a sua hidratação natural seja mantida em níveis excelentes. Como é do nosso conhecimento, o óleo da Rosa-Mosqueta contém ácido linolénico, além do ácido gama-linoleico, dois componentes que ajudam a reter a água na pele atuando na estrutura da epiderme para evitar a perda de hidratação. A sua composição, rica em ácidos gordos essenciais, prevenirá a deterioração da pele que leva à escamação. A secura é um dos sinais que implicam a perda de flexibilidade e tonificação. Algo que poderemos evitar, hidratando a pele corretamente, com produtos que estimulem a produção de óleos naturais e que também atuam para evitar a perda deles, alcançando uma pele nutrida.  

Como usá-lo na pele

Já te falámos sobre as propriedades do óleo da Rosa-Mosqueta, mas agora também queremos dizer-te como deves usar este ingrediente se também queres beneficiar dele. Conforme já explicámos, diminuir manchas ou cicatrizes no rosto não é algo que se alcance de imediato, porém, acontecerá se formos constantes com o tratamento. Outros benefícios dermocosméticos, entretanto, como a melhoria da hidratação da pele, permitirão resultados visíveis numa margem de tempo muito menor. Em qualquer dos casos, a chave para obter resultados visíveis é a consistência. A maioria dos produtos ou tratamentos deve ser aplicada a cada doze horas. Ou seja, devemos inseri-los na nossa rotina de beleza de manhã e à noite. Durante quanto tempo? Tudo o que precisares e quanto mais melhor, porque se a nossa pele tende a comportar-se de determinada maneira, precisará de produtos que ajudem a regular essa tendência.
   

Inserir o Óleo de Rosa-Mosqueta na tua rotina

Se estás a pensar inserir este ingrediente na tua rotina de beleza, seja para reduzir manchas, tratar cicatrizes, acne ou hidratar, na Babaria temos uma grande variedade de produtos que vais adorar:

Òleo de rosa-mosqueta facial

Um óleo 100% puro que ajudar-te-á a combater os sinais de envelhecimento e a hidratar, melhorando a produção de colágeno e elastina.
 

Creme de dia facial bb cream fps50 rosa-mosqueta

Um BB Cream com alto fator, com propriedades antipoluição e antienvelhecimento que auxilia no combate à formação de radicais livres.  

Toalhitas desmaquilhantes rosa-mosqueta e água micelar desmaquilhante

Dois produtos que ajudar-te-ão a limpar a pele em profundidade, inclusive suavizar e nutrir. Além disto, ambos são indicados para peles sensíveis e possuem ingredientes benéficos para a pele como a Vitamina E, no caso das toalhitas, ou a Glicerina, no caso da Água Micelar.  

Linha facial anti-manchas

Formada por quatro produtos. Dois hidratantes para serem aplicados de manhã e à noite, um serum intensivo anti-manchas e um contorno de olhos; sendo a Rosa-Mosqueta o ingrediente principal, em três desses produtos, para reduzir manchas. Uma linha com ação anti-envelhecimento, clareadora, hidratante e despigmentante. Agora já sabes todos os benefícios da Rosa-Mosqueta, sabes como é obtido o óleo a partir dela e como ele pode ajudar a tua pele. Próximo passo? Inserir este fantástico ingrediente na tua rotina diária, para melhorares as qualidades da tua pele.